Leia vários depoimentos de pacientes que venceram a luta contra o cancer!
 
 
 
 
 
 
 

Médicos vinculam droga comum da quimioterapia a queixada de necrose

14 de Dezembro, 2004, da revista online Relatório de Inovações

 

Os médicos do Centro Médico Long Island Jewish (LIJ) descobriram recentemente uma ligação entre uma droga comum da quimioterapia e uma doença óssea grave, chamada osteonecrose da mandíbula (ONM). A descoberta, publicada no Jornal de Cirurgiões Orais e Maxilofaciais, solicitou ambas a Administração de Alimentos e Medicamentos dos EUA (FDA) e Novartis, o fabricante de bifosfonatos usados na quimioterapia do cancer, para emitir avisos no início deste outono para médicos e dentistas sobre o risco deste efeito adverso potencial. ONM é uma condição na qual o tecido ósseo na mandíbula falha a se curar após um pequeno trauma, tais como a extração de um dente, fazendo com que o osso seja exposto. A exposição pode levar à infecção e fratura e pode requerer terapia de longo prazo de antibióticos ou cirurgia para remover o tecido ósseo que está morrendo.

O chefe da Divisão de Cirurgia Oral e Maxilofacial em LIJ, Salvatore Ruggiero, DMD, MD, e sua equipe relataram que eles foram atingidos por um grande grupo de pacientes com câncer com lesões necróticas na mandíbula - uma condição que eles raramente viam, em apenas cerca de 1 a 2 pacientes por ano. Quando eles lançaram um estudo dos prontuários dos pacientes, eles descobriram que 63 pacientes diagnosticados com esta condição ao longo de um período de 3 anos compartilhavam apenas uma característica clínica comum: todos tinham recebido terapia com bisfosfonatos a longo prazo.

Bisfosfonatos são comumente utilizados na forma de comprimido para prevenir e tratar a osteoporose em mulheres pós-menopáusicas. Formas mais fortes são amplamente utilizadas na gestão de canceres avançados que têm metastizado para o osso, onde a doença muitas vezes provoca dores ósseas e possivelmente até fracturas. Vários canceres podem envolver ou metastizar para o osso, incluindo do pulmão, mama, próstata, mieloma múltiplo e outros. Na quimioterapia do cancer, as drogas são administradas por via intravenosa, e, geralmente, por longos períodos de tempo.

Em seu estudo, Dr. Ruggiero e sua equipe uniram-se com Bhoomi Mehrotra, MD, da Divisão de Hematologia-Oncologia na LIJ, e os médicos da Divisão de Cirurgia Oral-Maxilo-facial do Centro Médica da Universidade de Maryland. Dos 63 pacientes diagnosticados com ONJ entre Fevereiro de 2001 e Novembro de 2003 em seus centros, 56 eram pacientes com câncer que receberam infusões de bisfosfonatos por pelo menos 1 ano e 7 pacientes não-cancerosos que estavam recebendo terapia oral a longo prazo para osteoporose. Os pacientes desenvolveram ONJ após trauma normal do osso, como uma extração de dente, ao receber o tratamento com bifosfonatos. Ao invés de se cicatrizar, o osso começou a morrer, e a maioria dos pacientes necessitaram de cirurgia para remover o osso doente.

No MedWatch do FDA e os alertas do Novartis emitidos no final de Setembro, os oncologistas e dentistas foram avisados da adição de osteonecrose da mandíbula para as seções "Precauções" e "Reações Adversas" relativas à rotulagem dos bisfosfonatos injetáveis, descrevendo os relatos espontâneos da condição sendo encontrada principalmente em pacientes com câncer. Os alertas também recomendam um exame dentário com odontologia preventiva apropriada em pacientes com fatores de risco como o câncer, quimioterapia, corticosteróides e má higiene oral antes de iniciar o tratamento com bifosfonatos.

"Monitorar a saúde bucal dos pacientes com bisfosfonatos é fundamental, pois um diagnóstico precoce pode reduzir as complicações decorrentes da destruição avançada do osso da mandíbula", disse Ruggiero.

"Desde que nosso trabalho foi publicado e dentistas se tornaram conscientes da conexão, muitos mais pacientes com a condição tem sido identificados, mesmo em nosso próprio centro. Prevenção e detecção precoce são tão importantes para a preservação do osso da mandíbula nesses indivíduos."

As pessoas devem tentar evitar extrações de dentes e qualquer outro grande trabalho dental enquanto nas drogas.

Os bifosfonatos bloqueam o trabalho de células ósseas chamadas osteoclastos, um dos dois tipos importantes de células ósseas que estão envolvidas no processo contínuo de remodelação óssea em um acto de equilíbrio delicado. Durante este processo, os osteoblastos -- "os bons" – colocam o cálcio na matriz óssea e tornam os ossos mais fortes, e os osteoclastos -- "os maus" -- tomam cálcio para fora, diminuindo a força interna do osso. A remodelação óssea é como um jogo necessário de cabo-de-guerra entre os caras bons e os maus. A massa óssea e conteúdo mineral ajustam constantemente ao longo do ciclo de vida para suportar os locais do esqueleto, onde a maior força exterior ocorre.

Injeções Novartis da Aredia® (pamidronato dissódico) e Zometa® (ácido zoledrônico) são dois intravenosos bisfosfonatos utilizados em regimes de quimioterapia. Novartis mudou sua rotulagem em Agosto. Fosamax® da Merck (alendronato) e Actonel® (risedronato de sódio) da Procter & Gamble são os bisfosfonatos orais mais comumente utilizados, que só são indicados para a osteoporose. Rotulagem para as formas orais não foram alteradas. "A forma oral é muito menos potente do que a forma intravenosa e parece ser substancialmente menos propensas a causar o problema", disse Ruggiero.

 

Kit Caseiro do Protocolo Natural Anti-Cancer

Lutando contra o câncer? NÃO perca tempo! A dieta errada está alimentando o cancer! clique aqui

Aprenda sua dieta e terapias caseiras anti-cancer em formato passo à passo.

 
 

Obtenha seus suplementos dos EUA aqui:

 
 

INICIE HOJE MESMO! Com o DVD você aprenderá sua dieta anti-cancer em menos de 1 hora.

 
 

Cadastre-se abaixo e receba grátis via email "O que as Indústrias do Cancer não querem que você saiba!"

*

Após cadastrar confirme seu email e receba seu e-book imediatamente. E não se preocupe, você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento!

 
 
 
 

AVISO LEGAL: Todas informações neste site não devem ser consideradas como aconselhamento médico. As informações e os produtos neste site devem ser utilizadas para complementar os tratamentos que lhe foram dados pelo seu médico, e não substituí-los. Consulte sempre seu médico antes de iniciar qualquer programa de dieta ou suplemento. Nosso objetivo é lhe fornecer as melhores informações, produtos e suplementos naturais dietéticos.

Site Meter